Skip links

Seja encontrado: Como atualizar o currículo e seu perfil do LinkedIn

Durante esse período de distanciamento social, em que muitas empresas estão adotando o esquema de home office para seus funcionários e ninguém pode sair de casa, uma dúvida que tem surgido é “como aproveitar meu tempo livre de forma produtiva?”. Muito tem se falado sobre a realização de cursos online, leitura e estudo, porém trouxemos uma outra dica para ocupar o tempo que ganhamos em casa fazendo algo que pode passar despercebido no dia a dia: atualizar seu currículo e perfil do LinkedIn.

É importante manter nossas atividades profissionais e acadêmicas sempre atualizadas, mas às vezes acabamos esquecendo de registrar o que fazemos. Pensando nisso, trouxemos um guia para ensinar o que incluir e como atualizar seu perfil e seu currículo, tornando-os ainda mais atrativos.

Dicas para atualizar seu currículo

como atualizar currículo

Manter o seu currículo sempre atualizado é muito importante, ainda que você não esteja buscando uma nova oportunidade de trabalho. Muitas empresas em um processo seletivo, principalmente em posições mais seniores, optam pela busca de profissionais que já estão empregados e que se adequem ao perfil da vaga, fazendo propostas mais atrativas. Além de você garantir de estar sempre com todas as suas informações corretas, no momento em que precisar delas.

Atualize seus dados pessoais

Confira sempre se seus dados pessoais e de contato estão atualizados: nome completo, telefone e e-mail. 

Atualize sua formação, cursos e treinamentos

Na hora de atualizar esse campo, o ideal é focar no seu objetivo profissional e avaliar quais de suas formações, trabalhos acadêmicos, cursos e treinamentos têm a ver com a sua área de interesse. 

Mostre sua evolução profissional

Uma dica na hora de listar suas experiências profissionais, é classificá-las a partir da mais recente para a antiga. Mas não basta fazer uma listagem. O que o recrutador espera é sentir sua evolução profissional, portanto é importante descrever suas atividades, os projetos realizados, cases de sucesso e focar nos resultados alcançados. Um Storytelling bem contato pode fazer a diferença!

Atualizando seu perfil no LinkedIn

o que colocar no linkedin

Mais do que uma rede social de empregos, o LinkedIn se tornou nos últimos anos um local de relacionamento profissional, por isso a rede é tão importante para os profissionais que querem se destacar. Quanto mais profissional for o seu perfil no LinkedIn, maior a chance de receber visitas e aumentar o seu network na rede. Alguns fatores que ajudam na profissionalização do perfil são:

Foto do perfil

A foto de perfil é a primeira coisa que as pessoas visualizam, portanto vale a pena deixar uma foto adequada para a plataforma: 

  • Não utilizar as mesmas fotos do Facebook, Instagram, etc.; 
  • Mostrar o seu rosto de forma clara, ou seja, não utilizar óculos escuros ou imagens que tampam/cortam o rosto; 
  • Usar roupas adequadas, sem abusar da informalidade
  • Escolher imagens com um fundo neutro (sem paisagens) de preferência nas cores branca ou cinza, o foco é você não o que está por trás; 
  • Sorria! Uma foto sorrindo gera muito mais empatia nas pessoas que visitam seu perfil.

Quer saber se sua foto está mesmo adequada para o LinkedIn? O site Snappr faz uma análise da sua foto atribuindo uma nota de 0 até 100. O Snapper separa a análise em três pontos principais: rosto, composição e edição. Quanto maior a nota, melhor a foto!

Faça o teste da sua foto aqui: https://www.snappr.co/photo-analyzer/

Destaque suas habilidades no título

Muitas pessoas costumam colocar somente o seu cargo atual no título do perfil, mas o ideal é descrever suas principais habilidades e competências junto com o seu cargo. Aqui o segredo são as palavras-chave: procure as melhores e mais usadas pelas pessoas na hora de buscar profissionais do ramo.

título linkedin

Tenha uma descrição completa e objetiva

A foto do perfil e o título são o que mais chamam atenção, porém é aqui, na descrição, que você convence os visitantes de seu perfil de seu valor profissional e ganha credibilidade. Para ser completa e objetiva, divida a sua descrição em quatro partes:

  1. Descreva sua qualificação profissional e seus objetivos
  2. Descreva a sua experiência e atuação
  3. Adicione uma descrição da empresa em que trabalha, caso esteja empregado
  4. Adicione seus dados para contato

Uma outra dica importante, é montar o seu texto como um storytelling de você mesmo, direcionando os leitores a saber desde o início da sua carreira, com os estudos realizados, das experiências adquiridas, até seu atual momento e objetivo profissional.

Reflita sobre o seu objetivo

É necessário ter o seu objetivo profissional sempre em mente, deixando bem claro que cargo você deseja ocupar e quais as áreas de seu interesse. Seja o mais específico possível. O importante é não passar ao recrutador ou visitante do seu perfil a impressão de que você está “atirando para todos os lados” e que não tem um foco em sua carreira. 

Seu perfil em outros idiomas

O Linkedin permite que você crie seu perfil em diferentes idiomas utilizando a mesma conta. Se você está aberto a posições fora do país ou que exijam outros idiomas, é uma ótima maneira de mostrar suas habilidades. Mas, lembre-se: Se você não possui uma qualificação que permita uma conversação em outro idioma, não arrisque! Isso pode ser prejudicial já que os recrutadores podem solicitar uma entrevista no outro idioma.

Não esqueça da revisão!

Essa dica vale tanto para a atualização do currículo, como também do perfil do LinkedIn: quando terminar tudo, releia o texto com atenção, corrigindo os erros de português e digitação. Se possível, peça para algum amigo ou familiar te ajudar nesse processo, evitando que alguns erros passem despercebidos. Um currículo mal escrito ou com erros de concordância ou ortografia, por exemplo, muitas vezes é deixado de lado sumariamente pelo recrutador.

Quer conhecer mais sobre a Fesa e nossas soluções de recrutamento e gestão? Nos envie uma mensagem:





Conheça nossas marcas:

Leave a comment