Skip links

Perfil e capacidades que as empresas buscam para profissionais de Relações com Investidores

Carlos Guilherme Nosé, CEO e sócio da FESA Group e Dr. Alfredo Setúbal, diretor presidente e diretor de relações com investidores da Itaúsa, participaram de uma conversa no podcast do IBRI, Instituto Brasileiro de Relações com Investidores, e concordam que é preciso ampliar a formação dos profissionais do setor para que estejam capacitados a atender à crescente demanda por um perfil mais abrangente.

Com o aumento dos investidores pessoa física e as novas características do mercado é preciso que se vá além dos conhecimentos puramente técnicos, com foco nos números e se busque novas capacidades. A principal delas, é ter algum tipo de formação na área de comunicação. Conseguir falar com o investidor e ao mesmo tempo levar para dentro das empresas a temperatura do ambiente externo são habilidade imprescindíveis para ser um bom executivo de RI. Isso inclui curiosidade, adaptabilidade às mudanças rápidas e principalmente, tendo em vista os novos investidores, pessoas físicas, saber fazer bom uso das redes sociais como uma importante ferramenta de trabalho e obviamente manter atualizado um bom site corporativo de RI com linguagem adaptada a esse público.

Isso tudo sem renunciar às características básicas como entender o movimento dos números, entender de business, de aspectos contábeis, fiscais e tributários. Atualmente ressalta-se como fundamental também, estar 100% alinhado à agenda ESG.

Portanto os desafios atuais para os profissionais que buscam se capacitar para vagas nesse segmento é investir para além do óbvio, avançar para camadas humanísticas de formação (relações públicas, relações governamentais). No caso das empresas, é importante que invistam na crescente profissionalização do setor dando oportunidade de crescimento ao seu corpo técnico e assim, valorizando a empresa junto a seus investidores.

 

Quer saber mais sobre nossos serviços? Entre em contato com a gente:





    Conheça nossas marcas:

    Leave a comment